Total de visualizações de página

domingo, 23 de junho de 2019

I Congresso Nacional do Contestado - Caçador de 12 a 15 de junho de 2019

Por iniciativa das professoras e professores dos Institutos Federais de Caçador e Videira, sob a coordenação de William Peres e Márcia Schuller, ocorreu em Caçador o I Congresso Nacional do Contestado. Nosso Grupo de Investigação do Contestado participou de várias mesas do evento. Com esta postagem gostaríamos de parabenizar os organizadores pelo sucesso do evento, que reuniu um público inscrito de mais de 1.200 participantes. Foi uma importante oportunidade para discussões acadêmicas, reflexões educacionais, exposições de arte, dança, teatro e visita técnica aos sítios históricos da Serra da Esperança, no vizinho Município de Lebon Régis. O formato do Congresso agregou pesquisadores de diferentes áreas de conhecimento, estudantes de ensino fundamental e médio de várias escolas das redes públicas da região, além dos provenientes dos Institutos Federais. Mais detalhes sobre a Programação do Congresso veja em  I Congresso Contestado
Em breve os organizadores divulgarão as datas e mais detalhes para o II Congresso a ser realizado em Videira, em 2020. Estaremos lá participando e auxiliando dentro de nossas forças. 

Pelo grande número de inscritos, muitas atividades do Congresso foram transferidas para o Parque das Araucárias, um grande centro de eventos de Caçador.

sábado, 8 de dezembro de 2018

XVII Encontro Estadual de História - SC - UNIVILLE, Agosto de 2018

Simpósio Temático sobre a Guerra do Contestado - Joinville - SC 21 a 24 de agosto de 2018
Participação dos colegas Alexandre Assis Tomporoski (UnC), Márcia Janete Espig (UFPEL), Flávio Wiik (UEL), Eloi Giovanni Muchalosvki (UNICENTRO), Gabriel Kuhnrath (UFPEL), Jhonatan Camargos (UEL) e muitos outros.

sexta-feira, 30 de novembro de 2018

Tempos de muito pasto e pouco rastro - o Livro

O livro "Tempos de muito pasto e pouco rastro" organizado por Alexandre Assis Tomporoski e Márcia Janete Espig, lançado em novembro de 2018 no V Simpósio Nacional do Contestado, na UNICENTRO, em Irati, traz novas pesquisas sobre o movimento do Contestado e a tradição de São João Maria. Sendo resultado de uma seleção dos textos apresentados no IV Simpósio Nacional do Contestado, ocorrido na Universidade do Contestado, Campus de Canoinhas, em 2017, a obra reúne um conjunto significativo de reflexões: Rogério Rosa Rodrigues (UDESC) abre o livro com sua análise da obra do artista plástico Hassis em "O Contestado encenado por Hassis ou a arte de antecipar o que a História não iluminou", seguimos com o artigo de Luiz Carlos da Silva (UFPR) sobre "O Contestado nos Museus do Paraná e Santa Catarina: um balanço de pesquisa", na sequência temos a reflexão de Almir Antonio de Souza (UFSC) "A Fronteira Sul e os índios do Planalto Meridional. A Junta da Real Expedição de Conquista dos Campos de Guarapuava (1810-1821)" que é seguido pelo texto de Flávio Braune Wiik (UEL)"Invisibilidades indígenas e o Contestado: ilações exploratórias e preliminares orientadas à estudos e pesquisas em Antropologia Histórica". Depois temos o artigo de Janaína Neves Maciel (UFSC) "Observações sobre as aproximações entra política e latifúndio no Planalto" e o texto de Paulo Pinheiro Machado (UFSC), intitulado "Aprendendo na nova terra: imigrantes e nacionais no trabalho agrícola, séc. XIX", depois temos o capítulo de Alexandre de Oliveira Karsburg (UNISINOS), intitulado "Caboclos e imigrantes na Guerra do Pinheirinho: reflexões sobre um conflito local". Ancelmo Schörner e Ivan Gapinski (UNICENTRO) apresentam o texto "São João Maria e a Santa Cruz do Faxinal Braço Potinga (Rio Azul, PR), Márcia Janete Espig e Rafael Kunrath (UFPEL) apresentam sua reflexão em "Os Mapas da Devoção a São João Maria: um estudo sobre Lugares de Memória e Fé Popular nos Estados do Sul do Brasil". O texto de Francimar Ilha Petroli (UFRGS)"Fronteira Santa Catarina/Paraná: uma análise sobre a Questão de Limites, 1853 a 1889" é seguido por Eloi Giovane Muchalosvski (UNICENTRO) que apresenta "O Contestado do Contestado: os conflitos do Timbó e Paciência na historiografia". Com Ana Christina Vanali (UFPR) temos o artigo "A questão de limites entre o Paraná e Santa Catarina e a imprensa humorística paranaense", na sequência temos o texto de Delmir José Valentini (UFFS) e Gerson Witte (Instituto Federal Catarinense - Chapecó) intitulado "O combate do Irani nas páginas dos Jornais: olhares da imprensa". Com Viviani Poyer (UFF- INCT Proprietas) temos a reflexão "Vaqueanos ou mercenários? Saques, espoliação e morte de imigrantes no movimento social do Contestado". Emanoela Carolina Vogel (UFSC) publica "Campus de Curitibanos da UFSC: uma Universidade Federal no Contestado". Por fim, o texto do professor Everton Carlos Crema (UNESPAR-FAFIUV) trata d' "A perspectiva didática do ensino de história: o Contestado". 

quinta-feira, 29 de novembro de 2018

Imagens do V Simpósio do Movimento do Contestado - Irati 26 a 28 de novembro de 2018

























Mesa Redonda - Novas abordagens sobre o Contestado

ALEXANDRE ASSIS TOMPOROSKI (UNC)
MÁRCIA JANETE ESPIG (UFPEL)
DELMIR JOSÉ VALENTINI (UFFS)
Paulo Pinheiro Machado (coordenador)
LOCAL: MINIAUDITÓRIO DO PRÉDIO PRINCIPAL
HORÁRIO: 14:00H – 16:30H

Apresentação das Comunicações ao V Simpósio Contestado - Irati

ST Contestado: História, Memória, Populações e cultura
Mini auditório – Prédio principal
Dia 26 de novembro, das 14 às 18h –Monge João Maria, a memória e as comunidades do planalto:

1. A RESISTÊNCIA CABOCLA E A SOB INSPIRAÇÃO DO MONGE JOÃO MARIA NO MUNICÍPIO DE PINHÃO – PR. 
RENÊ WAGNER RAMOS (mestrando UPF).

2. RELATOS DE UMA BREVE EXPERIÊNCIA ANTROPOLÓGICA: MOTUPE (PERU), AGOSTO DE 2018. 
ALEXANDRE DE OLIVEIRA KARSBURG (Prof. UNISINOS)

3 - ENTRE ÍNDIOS E CABOCLOS: (ETNO)HISTÓRIA, CULTURA E DIACRICIDADE ENTRE COLETIVOS INDÍGENAS INVISIBILIZADOS NA REGIÃO DO CONTESTADO. 
Flávio Braune Wiik (Prof. UEL)

4 - MEMÓRIAS DO CONTESTADO: DEVOÇÃO AO MONGE SÃO JOÃO MARIA NO FAXINAL DO SALTO - PR
SONIA VANESSA LANGARO (Mestre – UNICENTRO)

5 - TERRAS DE ALGUÉM, TERRAS DE NINGUÉM: UMA DISCUSSÃO SOBRE A INSEGURANÇA DA TERRA NO CONTESTADO E A FORMAÇÃO DE UMA IDENTIDADE ALHEIA À MEMÓRIA CABOCLA.
ANGELA ZATTA (Graduada, UNOESC)
DIEGO DA LUZ ROCHA, NILSON CESAR FRAGA

6 - PROFECIAS, CRENÇAS E SIMPATIAS: O MONGE SÃO JOÃO MARIA NO IMAGINÁRIO POPULAR DOS MORADORES DE RIO AZUL- PR. I
VAN GAPINSKI (Mestre UNIVENTRO)

7 - A VIAGEM DOS MÉDICOS DA FIOCRUZ EM 1918 E O ESTADO DAS POPULAÇÕES DO PARANÁ. 
PAULO PINHEIRO MACHADO

Dia 27 de novembro, das 8 às 12h – Questões sobre a Guerra do Contestado:

1 - BONIFÁCIO PAPUDO: CONSIDERAÇÕES SOBRE A TRAJETÓRIA DO LÍDER REBELDE BONIFÁCIO JOSÉ DOS SANTOS.
ALEXANDRE ASSIS TOMPOROSKI  (Professor – UnC – Canoinhas)
PABLO BONIFÁCIO CORDEIRO DE LIMA

2 - DESVENDANDO UM EPISÓDIO DO CONTESTADO: O COMBATE DE RIO DAS ANTAS ATRAVÉS DAS OBRAS MILITARES. 
MÁRCIA JANETE ESPIG (Profa. UFPel)

3 - GUERRA DO CONTESTADO: CAMPOS DE PALMAS NA BATALHA DO IRANI.
FABIANA MATHIAS RONCATTO (mestranda, UNICENTRO);

4 - XI.O COMBATE DO IRANI NAS PÁGINAS DOS JORNAIS: OLHARES DA IMPRENSA .
DELMIR JOSÉ VALENTINI (prof. UFFS)

5 -  O COMANDANTE MANDOU PREPARAR AS ALÇAS PARA AMARRAR OS CABOCLOS: UMA PROPOSTA DE ANÁLISE ACERCA DA BATALHA DO IRANI
GABRIEL CARVALHO KUNRATH (mestrando UFPEL)

6 -  O SILÊNCIO DA IMPUNIDADE É O SILÊNCIO DA CUMPLICIDADE: MAURICIO DE LACERDA E O DEBATE NACIONAL ACERCA DO CONTESTADO.
VIVIANI POYER (Pós-Doutoranda – UFF);

7 -  O ESTADO DAS MISSÕES: INSURGÊNCIAS PELA CRIAÇÃO DE UM NOVO ESTADO DA FEDERAÇÃO NO CONTESTADO.
GABRIEL GOULART BARBOZA (mestrando UFSC)

8 - HISTÓRIA, POLÍTICA E FAMÍLIAS DA REGIÃO DO CONTESTADO. 
ANA CRHISTINA VANALI

Dia 28 de novembro, das 8 às 12h –  Memória, Patrimônio, Educação e conflitos agrários no Contestado:

1 - OS MONUMENTOS DO CONTESTADO. 
JAISSON TEIXEIRA LINO (Prof. UFFS)

2 - QUANDO OS OBJETOS FALAM: A HISTÓRIA NOS VESTÍGIOS MATERIAIS.  
ROGERIO ROSA RODRIGUES (Professor, UDESC)

3 - O ASSASSINATO DE HENRIQUE WOLLAND, O ALEMÃOZINHO.
RAFAEL JOSÉ NOGUEIRA (Professor rede pública)
CÁSSIO ALEXANDRE DE SOUZA

4 - OS DIREITOS DE PROPRIEDADE E O PODER POLÍTICO NO PLANALTO SERRANO DE SANTA CATARINA, BRASIL, NA PRIMEIRA REPÚBLICA.
JANAINA NEVES MACIEL (Doutoranda – UFSC)

5 - QUEM VEM COM O TREM? UMA ANÁLISE SOBRE A PROPRIEDADE DA TERRA E MIGRAÇÕES NA REGIÃO DO CONTESTADO. 
DIEGO DA LUZ ROCHA (Mestre em Geografia, UEL)

6 - NÚCLEO DE ESTUDOS DO CONTESTADO: DO RESGATE E MANUTENÇÃO DA MEMÓRIA À PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO.
SOLANGE FRANCIELI VIEIRA (Mestre Geografia, Professora IFC)
JUCIARA RAMOS CORDEIRO, DIEGO DA LUZ ROCHA, ANGELA ZATTA

7 - O CONTESTADO EM QUESTÃO: PRÁTICAS PEDAGÓGICAS ENVOLVENDO A HISTÓRIA DO CONTESTADO NO ÂMBITO DO IFC CAMPUS FRAIBURGO.
VANDERLEI CRISTIANO JURASKI (mestrando UPF)

8 - ANIMAIS, QUADROS URBANOS E FAXINAIS: COEXISTÊNCIA ENTRE ANIMAIS HUMANOS E NÃO HUMANOS NAS MATAS DE ARAUCÁRIA (SÉC. XVIII E XIX).
JOSE ADILÇON CAMPIGOTO (Prof. UNICENTRO)


Dia 28 de novembro, das 14 às 16:30h – Apresentação dos graduandos:

1 - DAS INVISIBILIDADES: OS NGROKÒTHI-TÕ-PRÈY (XOKLENG JÊ MERIDIONAIS, SC), ETHOS E HISTÓRIA DE CONTATO A PARTIR DO CONTESTADO.
ANGELO DE SOUZA CANTIZANI (graduando – UEL)

2 - DE BUGRES A INVISÍVEIS: UM ESTUDO SOBRE AS POPULAÇÕES INDÍGENAS NO TERRTÓRIO DO CONTESTADO.
JOÃO VENÂNCIO SCHIESSL SCHERER (Graduando UnC )
ALEXANDRE ASSIS TOMPOROSKI

3 - O CONTESTADO COMO ACONTECIMENTO FOTOGRÁFICO NA OBRA DE CLARO JANSSON (1912-1925).
DIEGO SCHARF  (Graduando)

4 - O PATRIMÔNIO AGRÁRIO NA REGIÃO DO CONSTESTADO.
JOÃO ANTONIO TOMPOROSKI (Graduando – UnC).

5 - SOBREPOSIÇÕES CULTURAIS ENTRE O MONGE SÃO JOÃO MARIA, E A SOCIEDADE KAINGANG - O IMPACTO EXISTENTE NO ETHOS E NA HISTÓRIA DO GRUPO.
JHONATAN ABRANTES DE SOUZA CAMARGOS (Graduando, UEL)

6 - MEMÓRIA CONTESTADA: A REPRESENTAÇÃO FEMININA NA GUERRA DO CONTESTADO.
THAYSE FERNANDA DA ROSA (Graduanda, UFSC)

terça-feira, 4 de setembro de 2018

Chamada de Trabalhos - V Simpósio Nacional do Movimento do Contestado

Entre os dias 26 e 28 de novembro de 2018 acontecerá na UNICENTRO, de Irati, Paraná, o V Simpósio Nacional sobre o Movimento do Contestado. O evento acontecerá em conjunto com a XIII Semana de História e o VII Seminário de Estudos Étnicos-Raciais da UNICENTRO. Inscreva sua Comunicação no ST (Simpósio Temático) Contestado: História, Memória, Populações e cultura. Estarão sendo recebidas as inscrições de graduandos, pós-graduandos e profissionais. Inscrições até dia 8 de outubro.    
Mais informações e inscrições no link abaixo:

terça-feira, 3 de julho de 2018

V Simpósio Nacional Contestado - novos prazos

Tendo em vista que o próximo evento, o V Simpósio Nacional do Movimento do Contestado: Cartografias Sagradas, a ocorrer em Irati, PR, entre 26 e 28 de novembro de 2018 será sediado na UNICENTRO, aguardamos pelas instruções desta Instituição para a realização do processo de inscrição de comunicações e participantes. Desta forma, o prazo anteriormente estipulado de 20 de julho para as inscrições será prorrogado. Em breve divulgaremos os novos prazos e as indicações para o processo de inscrição on line na plataforma da UNICENTRO.


quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Nota de Falecimento e Pesar

      É com muita tristeza que recebemos a notícia do falecimento do músico, pesquisador e folclorista Vicente Telles. Sua arte e seu amor pelas populações do Contestado inspiraram a todos nós. Sua dedicação aos jovens e crianças é exemplo de educação para uma cidadania democrática e inclusiva. Nosso amigo caboclo fará muita falta. Queremos registrar nossos sentimentos de pêsames à família e aos amigos.

        Grupo de Investigação sobre o Movimento do Contestado - Diretórios CNPQ



quarta-feira, 29 de novembro de 2017

V SIMPÓSIO NACIONAL DO MOVIMENTO DO CONTESTADO: CARTOGRAFIAS SAGRADAS - UNICENTRO, Irati, Paraná. 26 a 28 de novembro de 2018.


Chamada de Trabalhos

O Grupo de Investigação sobre o movimento do Contestado, o Departamento de História da UNICENTRO, campus de Irati, e o Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO) e o Laboratório dos Povos Eslavos e Faxinalenses (LAPEF-I) promovem V SIMPÓSIO NACIONAL DO MOVIMENTO DO CONTESTADO: CARTOGRAFIAS SAGRADAS. Neste evento são chamados a participar pesquisadores, profissionais, professores e estudantes de graduação e pós-graduação para apresentar trabalhos que sejam o resultado de suas pesquisas sobre o Movimento do Contestado, bem como sobre o povoamento, a colonização, os povos tradicionais, a religiosidade, a ecologia e outros conflitos desencadeados nesta região da Guerra sertaneja. Deverão ser, igualmente, submetidos à seleção relatos de experiências e reflexões sobre o ensino dos temas acima mencionados. Serão privilegiados os trabalhos que se vinculem à região das matas de araucária e do planalto meridional como um todo. A participação dos inscritos se dará nas modalidades de comunicação de texto integral (de 15 a 20 páginas), para profissionais e estudantes de pós-graduação, e a modalidade de apresentação de banners, para estudantes de graduação.
                                                                                                                     
Cronograma e Inscrições:

Até dia 20 de julho 2018 – Inscrição de resumos de comunicações para pós-graduandos e profissionais (informando nome completo, co-autoria ou orientação, quando for o caso, Instituição, endereço, RG e CPF) em resumos com até 15 linhas com título e três palavras-chave;

Até dia 20 de agosto de 2018 – Inscrição de resumos de banners de estudantes de graduação (Informando nome completo, Instituição, Orientador(a), endereço, fone, RG e CPF) em resumos com até 10 linhas com título e três palavras-chave;

Até dia 30 de setembro de 2018 – Homologação dos trabalhos inscritos e envio de Cartas de Aceite.

Até dia 20 de outubro de 2018 – Envio dos textos completos das comunicações pelos autores.


De 26 a 28 de novembro realização do V Simpósio Nacional do Movimento do Contestado: cartografias sagradas no Campus Universitário da Universidade Estadual do Centro-Oeste, localizada na PR 153, km 7, Bairro Riozinho.